Cartas a um jovem escritor - Tatiane Ferreira

Os jovens brasileiros são sedentos por oportunidades que dificilmente aparecem, principalmente quando estamos falando de algumas regiões do país. Muitos dizem que a juventude é o futuro, que algo deve ser feito por nós, mas sempre, tudo não passa de uma mera discussão de fim de tarde, logo tudo volta ao normal, ou melhor, ao frequente, pois não é nada normal tantas jovens vidas sem direção.
Na literatura, muitos encontram um refúgio, para se expressar, para mostrar que são capazes ou pelo mais simples prazer de escrever. Escrevemos para que nos notem, para que percebam que independente das nossas origens, da nossa cor e de todo trajeto de vida, nessas linhas digitadas, somos todos iguais. Fazemos parte da mesma luta, tentando quebrar as barreiras da desesperança, pois é isso que enfrentamos quando vemos uma marcha de indivíduos desestimuladores.
Quando mais jovem, eu acreditava bem mais na bondade do homem, achava que existiam mais pessoas boas do que ruins, hoje percebo que não, ao contrário. Como se não bastasse as dificuldades do mercado editorial e de estabelecer uma carreira consolidada como escritor (a), ainda é necessário lutar contra as inoportunas opiniões de algumas “almas sebosas”.
Por mais de uma vez, fui convidada a falar com alguns jovens de ensino médio sobre a escrita, e sempre frisei que, devemos aceitar apenas as críticas construtivas. É grande a quantidade de bons escritores em minha cidade, Monte alegre de Sergipe, no entanto, muitos ficam aprisionados pelo medo/ vergonha de expor suas obras, em virtude da maldade alheia.
Meus caros, a verdade é que nos julgam pela coragem que lhes faltam, por isso, sempre digo, coragem! Muitos vão te criticar, poucos vão te apoiar, mas nessa jornada, você é a peça chave, ou melhor, como já dizia Fábio de Melo “E o que vier tu vencerás
Só tu tens a chave: abres ou fecharás?
Tatiane Ferreira

____________________________________________________________________
Quer conhecer mais sobre o projeto "Cartas a um jovem escritor"? Clique aqui
____________________________________________________________________

Sobre a autora: 
Montealegrense, graduanda em nutrição (AGES), integrante do grupo de pesquisa interdisciplinar em saúde (GEPISA), líder na pastoral da criança, instituição de ação social da CNBB, voltada para o acompanhamento e orientação de famílias no que diz respeito a ações básicas de saúde, educação, nutrição e cidadania. Escritora desde o ensino médio, tem textos publicados na seleta do 4° encontro sergipano de escritores, 2° encontro de escritores canindeenses e convidados, 1° e 2° encontro dos escritores montealegrenses, entre outras obras reconhecidas...
E-mail: tatiferreiranutri@gmail.com; Instagram: _tatinutri

0 comentários: